Conte sobre você!

Sabemos que, na escolha profissional pelo mundo da Aviação Civil, é preciso coragem para “bancar” o sonho de voar e muita vontade de enfrentar as barreiras que surgirão no caminho até que chegue a hora de alçar seu próprio voo.

Assim, queremos saber quais foram as principais questões que você enfrentou ou enfrenta para ingressar nesse mercado.

Deixe seu comentário no final do Post!

Aonde e como você ouviu que existe a profissão de comissária?

Como foi quando você comunicou a seus pais seu desejo de ser Comissário(a)?

Como seu namorado (ou alguém que você se relaciona afetivamente) reagiu quando você expressou sua vontade de ser Comissário(a)?

Caso você tenha enfrentado algum problema, como isso foi solucionado?

TENTE, FAÇA, LUTE E VENÇA!

Ouça o depoimento da Cati Oliveira, que foi reprovada inicialmente em um bloco na Anac, persistiu e hoje é uma Comissária realizada!

O Blog Educar

Para quem preferir ouvir, ao invés de ler, clique aqui em baixo:

Qual a função do Blog de uma escola? Talvez, a melhor resposta só possa ser dada por um aluno, que encontra um pouco de sua história aqui nesse espaço.

Em agosto de 2013, numa das vindas da Lenita e do Beto Maia em minha casa, conversando com ela, identificamos uma necessidade de oferecer um espaço para que os alunos pudessem ter registrados os momentos mais marcantes de sua vivência na escola.

Havia a necessidade de compilar, de maneira organizada, o rico material criado pelos alunos no dia a dia, na rotina de sala de aula que se estendia para além da escola também.

Com muita gratidão, Lenita me falava de como estava motivada com a possibilidade de abrir um horizonte para os jovens, oferecendo uma formação profissional de qualidade e principalmente colaborando com a construção de valores humanos.

Florescia a amizade dos alunos com a equipe da Escola e entre si mesmos. Os laços eram estreitados e os frutos se refletiam em turmas motivadas, integradas e abertas – um campo fértil de desenvolvimento.

E nesse espírito, graças à colaboração dos alunos, que confeccionavam o material e me enviavam, o Blog nasceu e foi ganhando corpo com as postagens semanais que procurávamos criar.

O conteúdo emocional de seus registros era muito rico em beleza e profundidade e assim, naturalmente, o espírito do Blog ia se desenvolvendo no sentido de revelar, como numa pintura, as expressões de humanidade dentro do contexto espiritual do aprendizado.

Talvez, hoje em dia, a palavra “parceria” seja insuficiente para expressar o empenho e a boa vontade dos alunos e de toda equipe da Educar, na criação dos mais diversos tipos de material.

Revendo as postagens, tive uma sutil percepção de minha função como colaboradora dentro desse projeto.
Sempre senti prazer em trabalhar para a Educar, pois me identifico com a área de educação e acredito muito na vocação da Lenita e de toda a equipe com os jovens. Mas confesso que até então não havia formulado em minha mente, o sentido transcendente desse trabalho.

Transcendente porque desenvolve os sentimentos, que não são lidos com a mente, mas com o coração.

Sinto, dentro de minha alma, que minha pequena parte soma, junto com outros corações, ao sentido essencial desse trabalho: o de formar, fio por fio, a tessitura de uma malha, o estreitamento de laços que serve de esteio, de suporte, para as dificuldades da caminhada.

Espiritualizar o ensinar e humanizar as relações interpessoais, seguindo o preceito evangélico de amor ao próximo é o mínimo que podemos buscar como foco da educação. Esse Blog é um espaço, para você, aluno, se expressar livremente. Para registrarmos momentos desse período de aprendizado e amizade.  Mande seu material, qualquer criação é bem vinda (filmes, fotos, áudios, músicas, textos).

Aguardamos seu contato .

Flavia

“Se falares a um homem numa linguagem que ele compreenda, a tua mensagem entra na sua cabeça. Se lhe falares na sua própria linguagem, a tua mensagem entra-lhe diretamente no coração.” – Nelson Mandela.